Matéria para O Bisturi

Mudança de endereço: pessoas, mudei o endereço do blog! A partir de agora será: https://registromedico.wordpress.com. Todo o conteúdo desse aqui está lá também! Em breve esse será desativado!


Não tem data hoje! 🙂
Vim escrever a matéria que eu vou fazer para O Bisturi (jornal da faculdade) aqui no blog, pra ver se me traz mais inspiração, porque tá meio difícil!
Recebi uma proposta de escrever uma matéria sobre os problemas em anatomia e outras dificuldades que nós, alunos do primeiro ano estamos tendo com a precariedade do curso.
Bom, vamos lá!

Em 1968 houve, no Brasil, a Reforma Universitária, que trouxe uma série de mudanças muito grandes para nós da Faculdade de Medicina. A principal consequência dessa Reforma foi a desarticulação entre o Ciclo Básico e o Ciclo Clínico, sendo que o primeiro passou, em sua maioria, a ser administrado na Cidade Universitária, e o segundo continuou na Faculdade.
Um problema antigo e insistente do Ciclo Básico, e o tema desta matéria, são as aulas de Anatomia. Administradas no ICB, estas aulas são duramente criticadas por quase todos os alunos do primeiro ano. Apesar dos esforços e tentativas de mudanças das turmas anteriores, como a 95 e a 96, a qualidade das aulas não melhorou e agora os primeiro-anistas da Turma 97 sofrem com o baixo teor do curso.
No consenso geral, Anatomia é a matéria mais estimulante para os alunos do nosso curso, uma vez que no ideário popular a Medicina se baseia somente, ou principalmente, no conhecimento do corpo humano. No entanto, as aulas são frustrantes e insatisfatórias, desestimulando o aprendizado e tornando a arte da Anatomia maçante e entediante, além de ser tratada com indiferença no decorrer do curso.
Como discente do primeiro ano, posso dizer que me enquadro como um desses alunos frustrados e desapontados, uma vez que as aulas estão absolutamente abaixo do nível esperado e desejado, e não somente isso, estão abaixo do padrão de qualidade de uma Universidade que é considerada a melhor do país e uma das melhores do mundo.
Alguns dos problemas mais citados pelos alunos do primeiro ano são a falta de materiais, no caso cadáveres e peças, além da baixa qualidade que as poucas existentes apresentam, e a falta de professores, uma vez que três docentes são praticamente insuficientes para uma sala de noventa alunos. Nas aulas práticas, onde os problemas são mais visíveis, ocorre um acúmulo de estudantes em uma das bancadas dos laboratórios, tornando difícil, ou até mesmo impossível, a observação do material e o entendimento e compreensão do que foi dado na aula teórica, quando ela é existente.
Com o passar do tempo, as aulas de anatomia passaram a ser cada vez menos assistidas, pois muitos alunos deixaram de frequentá-las devido a esses problemas todos já listados. No entanto, em época de prova, os laboratórios voltam a encher novamente, e, mais uma vez, os problemas de pouco material e poucos professores tornam-se presentes, atrapalhando o desenvolvimento da aula.
Como é de se esperar, a Turma 97 está se conscientizando do problema e tomando algumas atitudes para tentar reverter essa situação. Percebe-se então que se criou uma tradição na nossa faculdade, que é o descontentamento com a Anatomia, tradição essa que não pode ser cultuada pelas turmas subsequentes!
Infelizmente, ao contrário do que seria lógico, as turmas antecedentes, generalizadamente, se esquecem dos problemas que afligem os estudantes do primeiro ano e tratam-nos com indiferença, sendo que algumas vezes até desestimulam os que lutam pelas mudanças. O principal argumento que nós, calouros, ouvimos é de que cedo ou tarde aprenderemos anatomia do mesmo jeito, uma vez que nos anos seguintes teremos aulas de Anatomia Topográfica.
Então, qual o real motivo de termos aula de Anatomia no primeiro semestre, se nós iremos realmente aprender somente nos próximos anos? Obviamente a Universidade não ofereceria aulas inúteis aos alunos. As aulas são dadas para que nós aprendamos nela, e não para que finjamos que estamos tendo uma aula adequada só para completar a grade curricular.
No início do ano letivo, nós, da Turma 97, tivemos uma ‘aula-reunião’ com o professor coordenador de Graduação, Prof. Milton Arruda, e ele expôs para nós os problemas das aulas de anatomia serem administradas na Cidade Universitária. Além disso, ele nos garantiu que nossas aulas passariam a ser dadas na Faculdade, sendo que precisariam de algumas semanas para organizar os laboratórios e acertar todos os trâmites necessários. No entanto, as aulas continuaram a ser administradas no ICB, apesar de estar escrito no horário afixado no mural em frente à Sala de Graduação que elas seriam dadas nos Anfiteatros da Faculdade.
Essa falta de comunicação entre a Graduação e os alunos só prejudica o nosso ensino, uma vez que poderia tudo ter sido esclarecido logo no início do semestre, e então, teriam sido buscadas outras formas para melhorar o curso de Anatomia.
Não há razão para termos aulas medíocres só porque teremos a chance de aprender novamente no futuro. Temos o direito de ter aulas de boa qualidade e devemos exigir melhorias no curso de Anatomia. Nós, estudantes, devemos zelar a imagem da Faculdade, e não podemos deixar que absurdos como esses da situação atual aconteçam com naturalidade e desabonem a reputação da instituição.
Aproveitando o espaço, gostaria de pedir aos alunos que, não importando de qual ano sejam, um dia estiveram descontentes com suas aulas de Anatomia, do Sistema Locomotor principalmente, ajudem os alunos do primeiro ano nessa tentativa de apurar o curso. A participação de todos da Faculdade é de extrema importância.
O problema pode parecer insignificante para os que já passaram por essa situação, mas tentem se lembrar do quão frustrante e desestimulante foi ver a qualidade das aulas de Anatomia, que estão aquém do que nós merecemos e priorizamos na FMUSP.
Além disso, gostaria de convocar todos os alunos do primeiro ano para fazer parte do movimento que está sendo formado para buscar melhorias no curso de Anatomia. É de fundamental relevância que todos tomem conhecimento dos problemas que estão ocorrendo e tomem partido nessa luta contra a baixa qualidade do curso.
Vale lembrar que não adianta apenas reclamar das aulas, tem que participar ativamente, seja dando opiniões e sugestões nas reuniões do Centro Acadêmico, ou procurando os RDs, Representantes Discentes. Só assim ocorrerão mudanças, para melhor, na graduação.
“Ó velha e gloriosa Faculdade! Ó Moços, não a deixeis morrer!”. Essas palavras escritas pelo Prof. Lacaz podem ter uma interpretação exagerada, de que a nossa Faculdade está morrendo. No entanto, o que o Professor quis dizer é que nós, estudantes da “gloriosa Faculdade”, não devemos deixar a qualidade do ensino cair, pois isso levará a Faculdade à decadência e perecimento.
Não podemos deixar que nossa Faculdade seja vista como a “Faculdade do Hospital das Clínicas”. O Ciclo Básico é muito importante para o desenvolvimento da formação médica, deve ser tratado com responsabilidade e deve apresentar a qualidade que é marca registrada da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.
Deixo aqui minha crença de que o curso de Anatomia do Ciclo Básico deixará de ser negligenciado e será tratado da maneira que merece pelos coordenadores da faculdade: como o mais importante curso, uma vez que é base do ensino de Medicina.

Por favor, comentem suas opiniões? 🙂
É importante pra mim! ahuahaha!
Podem ser sinceiros!
Agradeço desde já!
Vou dormir porque fiquei mó cota fazendo isso ai!

Anúncios

8 comentários sobre “Matéria para O Bisturi

  1. Décoooo!!!…NOOOSSSSSSSSSAAAAAAAficou muito bommm esse textooo!!sério mesmoo!!!…certeza que o povo vai aderir a seu movimento!…(falei bunito agora=D)Depois me conta o que todo mundo achou!!Abraço(consegui comentar =D)

  2. ahuah ai meu deus!É tão difícil comentar aqui?É só escrever e ali embaixo no "Comentar como", coloque na opção Nome/URL e põe seu nome! E não precisa por url se quiser..e ai aperta ok e pronto! 😀 [/dica pra vida]

  3. Déééééééco! Ficou muito bom seu texto! MUITO BOM MESMO! Excelente! Escuta, tenta publicar o texto junto com as fotos que o Pringles tirou, seria interessante para ilustrar a situação pela qual passamos… vai sair quando seu texto? Beijos :*

  4. Olá Andréseu texto ficou muito bom, mas vai aqui umas sugestões, humildes e sinceras. Posso estar enganado, aceite-as se quiser.No 8º paragrafo você escreve (…)No início do ano letivo, tivemos uma 'aula reunião'(…) será que não seria bom explicitar quem teve esta "aula reunião", se foram os acadêmicos da 97, ou se participaram alunos de outras turmas, pois se alguém que não te conhece vai ler, na minha opinião, ficaria difícil de saber quem teve a "aula reunião".Ainda no 8º parágrafo não seria bom colocar o nome do cordenador de Graduação, daria mais credibilidade ao texto.Também no 8º parágrafo acho que existe um pequeno erro na parte (…)Além disso, eles nos garantiu que(…) não seria "Além disso, ele nos garantiu que" ou ainda "Além disso eles nos garantiram que".André, fui sincero, mas como disse, posso estar enganado, ou alheio às suas opiniões e idéias.Mas vou ler seu texto mais vezes (quando tiver tempo) pra ver se acho mais algumas coisa.Grande abraçoTiago

  5. Oi Tiago! :)Obrigado mesmo pelo comentário!Claro que aceito suas sugestões, que aliás, são mto pertinentes!Já mudei no texto definitivo! É que eu mandei ontem pra edição do jornal, espero que dê tempo deles verem esse 'novo' texto que eu arrumei agora, graças a vocÊ! :DObrigado de novo!Você tem um blog ou orkut ou qualquer coisa, pra nos comunicarmos melhor? :)Já é a terceira vez que você comenta aqui acho hauha e eu não sei se você lê minhas respostas!Enfim, obrigado de novo!AbraçoAndré!

  6. O Andremeu e-mail:adam_tdf@hotmail.comvou te add no msn, blz!claro que leio suas rspostasA gente se fala..Tiago

  7. hehe.. curti… E se prepare q virão críticas das pessoas e partes afetadas!Mas relaxa pq a gente concorda e assina embaixo dessas críticas e reivindicações, Déco! =)

  8. ah! me deus esta tão dificil esse momento da dificuldade em na minha opinião tem ser a materia tão simples e se preparar com a materia tão simples e se prepare que virão da criticas das pessoas e partes afetadas! eu sempre eu leio o livro qualquer o livro eu leio eu posso d minha sujeitão as dificuldade para futuro.Pois eu sei nem tão leve para futuro eu acho vai tudo certo com a materia da medicina, mas eu acho muito tem ser a materia que ser tão simples e facil porque esta muito complicado com a materia eu prefiro esta bem com a materia bem leve …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s