Primeiro Plantão no PS

Mudança de endereço: pessoas, mudei o endereço do blog! A partir de agora será: https://registromedico.wordpress.com. Todo o conteúdo desse aqui está lá também! Em breve esse será desativado!


Ultimamente venho vendo algumas coisas na faculdade que não estão me agradando muito 😦 mas no sentido de futuro mesmo…

Ando vendo umas coisas bizarras, e relação médico x paciente totalmente banalizada… e pra mim essa é uma das coisas mais importantes da Medicina..

Mas enfim, vamos ao que interessa! 🙂

Segunda-feira, dia 22/03/10

Não fui na aula de medprev, porque não quis acordar cedo na segunda… só fui para a aula da tarde, patologia!

O título da aula foi Perto da Morte!

Foi engraçado, porque a professora veio com discursos de que na graduação nós não temos muito contato com a morte, que nós temos que aprender a lidar com ela e bla bla bla, e que ela ia tentar trazer esse assunto para nós desde o segundo ano.

Bom, posso dizer que ela não seguiu essa proposta. O que ela passou foi praticamente a fisiologia da morte, o que acontece momentos antes da morte, e o que fazer depois, como avisar a família, autópsias, etc etc..

Em nenhum momento ela direcionou o assunto para a parte psicológica! Vai entender né.. eu acho que sou bem-entendido com a morte… mas acho que na hora H ninguém está preparado para isso, né? E pelo visto só veremos essas coisas no internato, quando um paciente morrer na nossa frente e nós não sabermos o que fazer.

A liga a noite foi muito tranquila.. atendi só um paciente, e me piquei com uma agulha na hora de tirar o sangue dele! UAHHUA mas fiquem calmos, tinha acabado de abrir a agulha, e ela não estava contaminada -uu eu acho ahuauh 😀

Meu primeiro acidente de trabalho! Anotem esse dia, 22/03/10. Ficou marcado na história.

Terça-feira, dia 23/03/10

Na minha optativa de Câncer Ósseo, eu passei pelo ambulatório do ICESP, como da outra vez, só que depois teve uma novidade.

Nos chamaram para passar lá na UTI, no décimo andar. Achei muito legal a oportunidade, já que só tinha passado na UTI do IC (arrá, não sabe o que significam essas siglas, entre no Glossário :D), e não conhecia outras UTI’s.

Bom, posso dizer que é bem diferente da UTI do IC. Não sei se é proibido hauauh mas tirei umas fotos lá dentro 😡 mas não tirei de paciente, que fique claro!

Bom, vi muitos pacientes lá malzões 😦

Não sei direito o que pensei na hora.. mas todo mundo tenta fingir que não sente nada vendo pacientes lá podres nos leitos de UTI… mas acho que eu não fingi muito bem ahuhauh fiquei meio sensibilizado.. ah, não é essa a palavra.. sei lá!

Foi estranho.. tinha vários residentes com a gente.. e eles eram totalmente indiferentes aos pacientes gemendo, e pedindo para trocar de posição na cama! E a enfermagem foi lá ajudar, mas eles estavam conversando entre si, e rindo, e sei lá.. aquilo foi muito estranho pra mim!

Claro que eu não acho que as pessoas devem ficar chorando com os pacientes.. mas sei lá.. não sei o que dizer!

E isso me lembrou que o residente que fica com a gente na Liga da Sífilis disse bem assim:

Vocês estão na fase em que vocês não são médicos, mas não são leigos como todos os outros. Mas vocês só estão abaixo dos médicos porque vocês ainda têm dó dos pacientes

Será que ser médico é isso? Será que a medicina não passa de um punhado de técnicas, e procedimentos que são praticados por pessoas que se tornaram insensíveis e alheias aos sentimentos dos pacientes durante seis anos numa faculdade?

Bom, sei lá.. até então é isso que está me parecendo!

Enfim, a aula de tarde passou muito rápido! Eu fiquei tentando montar o cubo mágico do Danilo, sem sucesso (vai fazer um mês que eu tô com isso e não consigo :(), mas tava prestando atenção na professora falando. Ela é meio doida, e começou a perguntar umas coisas de bioquímica lá! E o mais estranho foi que eu lembrava da enzima que ela perguntou ;__; fiquei tão orgulhoso de mim! ahuauhau

Bom, depois disso rumamos para a faculdade para o tão esperado plantão de neurocirurgia! Mas antes a gente passou no DC e ficou jogando um jogo bobo que tem lá ahuahu e que viciou todo mundo, e eu também! Vale a pena baixar! Chama: Plants vs. Zombies!

Aqui vai o link para download: http://www.popcap.com/games/pvz

E pouco antes do horário do começo do plantão eu e Gabs (minha dupla de plantão :D) fomos comer batata-frita X na Teodoro!

Enfim chegou a hora do plantão! -uu

A gente chega lá no PS, e ficamos procurando o pessoal da neurocirurgia! Não achamos ;__; e ai a gente perguntou pro pessoal da neuroclínica onde que eles poderiam estar! Ai eles disseram: é no CC (Centro Cirúrgico), na sala 1! E ai lá fomos nós para o nono andar do IC, onde é o centro cirúrgico -uu mó emoção, nunca tinha ido lá!

Cheguei lá, dei minha carterinha pro tiozinho da entrada do vestiário, e ele me deu minha roupa e uma chave do armário! Ai eu fui lá, guardei minhas coisas e vesti a roupa 😀

Ai eu e o Gabs entramos -uu uahuhah

Bom, é muito legal lá dentro, e frio auhauha devia ter levado meu celular e tirado algumas fotos 😦 mas nem levei! O CC do IC tem 34 salas de cirurgia (eu acho), e tem a enfermaria do pós-operatório, confortos médicos, etc etc etc! É bem grande lá e legal também 😀

Bom, a gente foi pra sala da neurocirurgia, e tinha um cara lá intubado mó malzão, mas os médicos não estavam mais lá.. o paciente estava esperando pra ir pra tomo e depois sei lá o que ele ia fazer! Enfim, a gente ficou um tempo mais lá e depois voltamos para o PS! E ai nós encontramos os residentes da NC (neurocirurgia) e ai finalmente fomos passar os casos do PS naquela noite 😀

Foi legal! Deu pra ver que residente sofre.. os mais velhos lá passam os casos super rápido, e falam milhares de coisas pra eles irem colocando nos prontuários, e fazer encaminhento, e avaliação, e etc etc… deve ser bem difícil!

Fiquei vendo umas tomografias e ressonâncias no computador 😀 e lembrava de algumas coisas, e fora que na optativa de Câncer-Ósseo eu aprendi bastante coisa 🙂

Depois a gente foi passear lá na UTI! 😮 muito tenso, todos os pacientes lá MUITO mal 😦 e o Gabs lá lendo os eletros deles pra gente uahuahua bom, não consigo não ter dó de paciente! 🙂 espero ser assim pra sempre.

Enfim, foi beeeeeeem leeeegal 😀 fiquei cansado pra caramba, mas sobrevivi 😀 auhauha

Bom, devo ter esquecido algumas coisas pq eu estuo postando com pressa ;__; quero dormir cedo pra não ficar morrendo depois auhahua

Acho que é isso! Que esse post seja lembrado para sempre como meu primeiro plantão, além desses três últimos dias terem sido bem esclarecedores para minha formação médica 🙂

Anúncios

17 comentários sobre “Primeiro Plantão no PS

  1. Décooooo!!

    Caraaa! sem comentários pra tudo isso que você escreveu!
    tenho certeza que pensando assim! você vai ser o melhor médicoo! Tenho muito orgulho de dizer pra todo mundo as coisas que você faz e falaaa!!!

    É muito triste pensar que existem pessoas quee ajudam outras com essa indiferença toda que você falou!

    Que demais você e o Gabs no plantããoo! haushaushaush
    tenho certeza que vc vai se lembrar pra sempree!
    deve ter sidoo show!

    Abração Déco

  2. TO COMENTANDO AQUI DECÃÃÃO AHUUAHUHAUHA
    bom, espero que vc continue sendo “sensível”
    mas n mto tá? hauhauhauhauha brinks
    boa sorteeeeeeeeeeeeeee

    • AHUUAUHAH obrigado
      Ah, não serei sensível a ponto de ter dó do paciente e não conseguir nem furar ele com uma agulha UAHUAH
      Digo que quero me importar com o paciente.. no fundo…

  3. Ahhh, Déco, contratranferência é o maior problema nos primeiros contatos com o paciente, teve vezes que eu me segurei pra não chorar.
    Daí a gente tem outra crise, de querer se afastar ao máximo pra não se apegar.

    Eu acho que no fim das contas a gente encontra um meio termo, que é o melhor tanto pra gente quanto pro paciente também 😀
    E também, pegar esses médicos como exemplo de COMO NÃO QUERO SER… mas as vezes eu também me pergunto se com o tempo não vou acabar igual husahs
    táá, não vou escrever muito mais, mas sei como você se sente, mesmo 🙂

  4. Ei, Déco!
    Demorei um tempão pra ler (e comentar) seu post, mas aqui estou!
    Adorei esse negócio de plantão,deve ter sido bem legal!
    E gostei do post mais curto, deu pra ler rapidinho 😀
    Abração

  5. Aê Déco, Primeiro Plantão!

    Deve ter sido bem legal. Um dia chego lá AHUAAHUHUAAU
    Até agora a relação médico-paciente foi muito discutida no curso. Espero me tornar um médico “humano”.

    Tomara que não desviemos para o lado negro da força.

  6. Cara quero fazer medicina um dia e vou falar uma coisa, depois de mil estudantes de medicina falando que a facul é impossível, que não se come, não se dorme, não se faz nada… Cheguei no seu blog e aqui vc mostra que tem aula,estuda bastante, fica cansado mas dá conta sem reclamar!você realmente vai ser um ótimo médico, pq tem equilibrio. E pensa no paciente…

    • Ahh, reclamo um pouquinho hauauauh 😉

      Ah, obrigado T__T
      Essa coisa de que não se vive na medicina é lenda.. pelo menos até agora vivo bem 🙂 auhauha

      Enfim, obrigao de novo ;_;

  7. Aí,eu também adorei o post……
    E serei sincera,na relação médico paciente….Não sei porque ignorar um ser humano que estar sofrendo :/
    A pessoa confia completamente em voce,precisa tratá-lo como a um robô?
    Indiferença não tá com nada

  8. Oi Deco, acho seus posts muito legais….
    Adoraria fazer medicina…mas tenho medo de não conseguir encarar as situações como: aulas de anatomia, atender pacientes em estados graves como em acidentes e tals….Gosto muito de estudar e admiro a profissão.
    Você acha que é possivel se adaptar a essas situações? Ou pra quem tem essa dificuldade melhor nem tentar?

    Enfim, pra vc que está presenciando td isso…como vc tem encarado???

    Bjs e parabéns pelo seu blog…é demais!!!
    Nunca deixe de escrever…somos curiosos de plantão!!rsrs

    • Oi Giuli! 🙂
      Obrigado pelo comentário!

      Aaaah, é possível se adaptar sim, aliás, é bem fácil! As vezes nós idealizamos as situação, e achamos que elas são piores do que realmente são… mas pode ter certeza que você terá o suporte necessário para passar por essas situações! No fim, nós somos moldados na faculdade para ver tudo isso, não com indiferença, mas com um olhar realmente médico! 🙂

      Eu acho que se medicina for seu sonho, você deve ir atrás sim! 😀
      Beijo

  9. Meu Deus, venho lendo seus antigos poste, e cada vez me apaixonando pela medicina. Não sei mais estou quase certo que quero ver isso de perto.

    Agora a dúvida paira em minha mente trocar farmácia por medicina aiaiaiai maldito dia que li seus post kkkkkkkkkkk brincadeira

    =)

      • Que nada são bacanas, principalmente os de quando você era calouro kkkkk
        Mas to decidido, vou fazer mobilidade acadêmica da universidade para medicina, e você é o culpado por ter criado esse blog kkkkkkkkk
        😀

  10. hahahahahaha Que legal!
    Post cheio de ‘carinhas alegres’. Deu pra sentir sua animação! rsrs
    Entendi seu lado ‘sensibilizado’, a Medicina precisa mais disso: a tal da humanização. É triste, mas creio que você será diferente. Parabéns, assim você vai longeeee.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s