Veritas

Mudança de endereço: pessoas, mudei o endereço do blog! A partir de agora será: https://registromedico.wordpress.com. Todo o conteúdo desse aqui está lá também! Em breve esse será desativado!


Há poucos dias fiz um post sobre atenção primária. Apesar de estar postando hoje, gostaria que vocês lessem-no, porque fala sobre um tema bastante turbulento nos dias de hoje, uma vez que está sendo aprovada uma lei que, resumida e tendenciosamente, obriga os recém-formados em medicina a participarem do Programa de Saúde da Família por um ou dois anos para ganhar um bônus de 10% a 20%, respectivamente, na prova de residência. Bom, nem preciso dizer que isto é um absurdo. Prometo que voltarei em breve para discutir um pouco mais disso com vocês!

Além dessas desgraças todas que aconteceram nesses últimos dias por causa dessas leis e outros escândalos envolvendo um professor da faculdade e cursinhos para residência, aconteceram coisas muito boas nessa semana, e é por isso que vim postar aqui hoje. Mas para contar um pouco mais sobre isso, vou ter que voltar um pouco no tempo. Desde muitos anos atrás, nos tempos de escola, ainda, sempre tive vontade de sair do país, viajar, viver um outra cultura e falar uma outra língua fluentemente. Bom, posso dizer que finalmente conseguirei realizar esse sonho!

Realizarei porque consegui um intercâmbio! Sim, como aqueles que as pessoas fazem em high school, mas um pouco diferente hahaha é um intercâmbio de nível superior, que é razoavelmente comum em outros cursos, e pouco comum em medicina. (Em medicina, normalmente os intercâmbios são de curta duração e não são bem intercâmbios, são mais fellowships ou shadows, nos quais você segue um médico para lá e para cá em um hospital que você escolher e, obviamente, ele te aceitar.)

Vou ficar um ano fora. Um ano em outro país, muitos quilômetros distantes, mas que eu sempre quis conhecer. Não vou dizer que vou fácil conseguir esse intercâmbio, mas parece que o destino o trouxe até mim, num almoço de comemoração do aniversário de um amigo, quando combinei com alguns amigos que iria pesquisar um pouco mais sobre o intercâmbio para este lugar que irei. E os dias foram se passando e parece que cada vez mais essa viagem ficava mais distante.

Alguns problemas surgiram pelo caminho, mas enfim chegou o dia da seleção. Preencher um formulário com milhares de questões sobre tudo que você fez na sua vida até hoje pode parecer fácil. Mas parecia que eu tinha feito tão pouco, que poderia ter feito muito mais. E ai contei com a ajuda de uma grande amiga na hora de escrever aquela redação de “por que você quer ir para lá?”. E em inglês. Como é difícil expressar tantos sonhos e anseios em 500 palavras e em inglês. Ela me deu confiança para escrever e nem riu de mim quando mostrei a versão final da carta: sempre acho que as coisas que escrevo são ruins e bobas, assim como nesse blog hahaha

Reli a tal redação e decidi enviar logo. E aí começaram os minutos angustiantes de espera. No entanto, a rotina e as milhares de coisas pra fazer ajudaram a esquecer um pouco a contagem regressiva autônoma que rolava na minha cabeça. Controlei a ansiedade e o nervosismo e esperei muitos dias para que a lista de aprovados saísse. E parecia que ela não ia sair nunca. Cada vez davam um prazo diferente.

Depois de esperar quase 2 meses, numa segunda-feira disse: Vai sair amanhã. Não estava muito confiante de que essa lista sairia, e muito menos confiante de que conseguiria uma vaga. E então um amigo disse que falaram que ouviram dizer que a lista sairia dentro de alguns minutos, durante uma aula de patologia digestiva. Estava conversando com aquela amiga que leu minha redação e ela estava mais angustiada que eu. E então recebemos o e-mail com a lista.

Um minuto depois percebi que tinha passado.

Não sei descrever bem qual foi a sensação. Claro que não foi 1/10 da sensação de passar no vestibular. Mas senti muito alívio também, e alegria. Tinha conseguido. E a minha amiga ficou histérica hahaha foi extremamente engraçado e inesquecível.

Infelizmente, alguns amigos que tentaram não conseguiram. Então foi uma felicidade incompleta. Mas em compensação, uma amiga que queria muito, mais que todos nós juntos, conseguiu, e a alegria dela contagiava e dava aquele frio na barriga de daqui três meses você estará em outro país.

Voltei para a casa dos meus pais naquela noite. Tinha que contar pessoalmente para eles, e claro, fazer uma graça. Na hora do jantar disse para eles e minha irmã que iria trancar a faculdade porque estava cansado da faculdade, precisa descansar um pouco e que estava até pensando em ir fazer voluntariado no Haiti. Eles ficaram sem entender nada, mas acreditaram de início. Mas quando disse que era mentira, que só tinha conseguindo um intercâmbio para aquele lugar, aí sim eles não acreditaram hahaha

Eu demorei para convencê-los que era verdade, e a cara de orgulho deles foi algo que não esquecerei tão cedo. Eles ficaram mais empolgados do que eu, mas ao mesmo tempo preocupados com desastres naturais, falta de alimentação e dias sem falar com eles pela internet.

Rimos bastante naquele dia. Por isso que eu amo minha família, eles são os melhores.

Suponho que vocês estejam curiosos para saber aonde irei afinal! Apesar da notícia ter se espalhado muito rápido por aí, acho que alguns ainda não sabem!

Indiquei durante o post todo várias dicas para vocês 🙂

Tá bom, vou dizer para onde vou! Basta juntar a primeira letra de cada parágrafo!

YEAH! Harvard, I’ve got you!

Anúncios

38 comentários sobre “Veritas

  1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAWWWWWWWWWWWWWWWW YEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHH BABEEEEEE!!!!!!!!!! :DDDDDDDDDDD

    Jamais esquecerei o QUANTO eu fiquei nervosa quando vc me disse que essa lista ia sair. Minha mao ficou gelada. Mais gelada que em dia de listão da FUVEST. Sabe aqueles “friozinhos” que dão, de tanto nervoso? Eu tava bem assim, AHUAHUAAHUAH.

    Quando você me disse da primeira vez que ia tentar ir pra lá, eu sabia da magnitude disso, sabia da importância e da dificuldade. Mas eu sabia que você ia conseguir. Não que eu sabia, sabia, sabia, porque não sou cigana. Mas eu sabia. Sabia que ninguém em sã consciência ia deixar de te dar uma oportunidade dessas. Também tive medo, é claro, porque essas pessoas que iriam receber sua carta escrita em inglês, com um limite de texto, impondo frases prontas de perseverança e vontades, são pessoas que não te conhecem de verdade. São pessoas que talvez não tiveram chance de conversar com você, de conhecer sua família, sua história e essa sua humildade assustadora, que é extremamente contrastante diante de tudo aquilo que você já alcançou na vida.

    Você sabe melhor do que ninguém o que já conseguiu e conquistou até agora, mas acho que sua melhor aquisição até então, além da sua educação exemplar, é essa sua humildade monstra que te faz ser único. Pessoas podem ter o currículo abastado, exaltarem suas qualidades, vontades e desejos, mas você expressou naquela carta o que quis, e da sua maneira. E torço muito pra que os avaliadores tenham notado isso na sua redação. Tomara que tenha transparecido ali naquelas palavras traduzidas todo esse futuro médico! Esse futuro médico que é completo, sem dúvidas, que se importa desde os pequenos detalhes, enxerga os pacientes e suas histórias como riqueza, que se comove com suco de maracujá na UBS, que vibra quando algo vai bem, chora quando algo faz mal e claro, que se mata estudando por cadernos e resumos antigos (hahaha e lendo o Harrison tb, por que não?)

    Então por mais que eu tenha dito milhões de vezes o quanto eu tenho orgulho de você, talvez você nunca tenha acredito, porque acho que você é humilde demais pra perceber a dimensão desse orgulho. Mas é gigante (TÃO PIQUININHA, TAO MIUDINHA….) HAHAUHAUHAUHAUHAUAHUAHAHA

    GRANDE BEIJO
    .QUERO UM MOLETOM

    • AIMEUDEUS
      Você é minha CIGANA DARA AUHSDUAHDH só passei graças as sua artes milenares na magia, BECAUSE YOU ARE A GIPSY ~~shakira
      Falando em ciganas, veja mais um fato ASSUSTADOR sobre isso: VOLARE OOO é da banda GIPSY KINGS!!! Djobi djoba.

      Enfim, obrigado pelo comentário! Você e seu talento de emocionar e fazer rir ao mesmo tempo.. POIS É QM SABE FAZ AO VIVO NÉ MEU!

      ENFIM, de novo, só vc sabe o quanto sofremos por esse resultado AUDSHUH você me buzinando todo dia perguntando se saiu.. ah, só tenho a te agradecer pela força que você deu! :DD

      Nem sei como responder seu comentário, estou emocionado e sem palavras, me intube!! (curto mto esse seu som KKKKK)

      Bjssss e trarei um trator com moletãos pra gente festar duro na balada de moleton UASHDUH

  2. …noossaa!!! Que legal!
    Lendo, juro que desconfiei, mas burro nem percebi as letras hahaha

    Fiquei bem contente, de verdade!

    Posso dizer que isso é inspirador viu…

    Tudo de bom Déco,
    abração!

  3. caraca me arrepiei aqui
    eu vi as letras em negrito e fui tentar ler já e fiquei o.O
    há que foda
    uma vez assisti a um filme q mostrava a biblioteca de Harvard, coisa mais linda do mundo *__* sou apaixonada por bibliotecas e essa é a mais linda que já vi *_*
    boa sorte e não deixem de postar da biblioteca de lá 😀

  4. Woooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooow….Cara PARABÉNS!!! Fiquei feliz de verdade por vc, acompanho o blog faz tanto tempo que parece que compartilhei da vitória haha Tem um outro estudante que conseguiu o intercâmbio que tem um blog: http://realizandoumsonhomedicinausp.blogspot.com/ , mas vc já deve conhecer. Enfim, PARABÉNS!!!! Aproveita bastante. E não deixa de postar lá de harvard!!

  5. *.* Primeira semana que acompanho o blog e deparo-me com um post desse. Fico muito feliz por essa conquista e desejo que tantas outras aconteçam. Eu ainda estou no cursinho e sonho tbm ser aprovada em Medicina e estudar fora do país. De certeza agora, ganhasse mais uma seguidora fiel do blog. Vai fundo nessa nova fase.. Atualize sempre que puderr! Abraços

  6. Caraca! Meus parabéns Déco!
    Não sei se você lembra… Mas um dia (num post antigo… que você reclamava da sua faculdade… Eu comentei… Dizendo que você mostrava que não era um alienado, comentando sobre a realidade vívida na faculdade… Enfim… )
    Nossa Harvard? Sério, uma grande conquista… É por essas e outras histórias que eu leio, tanto suas (Diário de um Estudante de Medicina), quanto as da Bruna (Obrigada por ler) e as da Tallita (Ars Medicina) são motivadoras… e que me impedem de largar os cardernos/livros para desistir do vestibular… Como todo vestibulando, existe momentos de crise e tal… E nessa horas, eu paro… respiro… e procuro ler algum blog e sempre o primeiro que eu busco é o seu… Eu ” descobri” seu blog em meados de 2009… desde então acompanho seus posts. Verdadeiramente inspirador, ler e ter provas concretas, de que é possível vencer… não só o vestibular… Mas conseguir conquistar aquilo que mais desajamos…
    Depois dessa pequena “enrolação introspectiva”, eu desejo enormes boas sortes para você e que cada dia desse “um ano que estar por vir” seja marcado por coisas boas e que enriqueçam tanto sua carreira, quanto à sua vida…
    Abraços!

  7. parabens cara! acompanho seu blog ha um tempo e ele meio q me serve de inspiracao pra estudar mais p/ passar em medicina! ehuieuia boa sorte la e nao esqueca de postar hei hahah
    mas queria te fazer uma pergunta.. esse programa de intercambio q vc se inscreveu é pela usp ou por harvard?
    mais uma vez parabens!

    • Nem um, nem outro hahaha é intercâmbio de pesquisa, e não undergraduation. Então, não precisamos ser aprovados por Harvard no sentido formal da coisa hahaha mas passamos, sim, por processo seletivo e tudo o mais!

      Obrigado! 🙂

  8. Parabéns Deco!!!!!!
    Já acompanho seu blog há algum tempo e nossa é inspirador…
    Parabéns novamente.
    Muita sorte, muita luz nessa nova jornada.

    😉

  9. Ola ola amigo!!!
    Ainda ontem fiquei na tentaçao de te escrever, mas pensei que pudesse estar a chatear!!!

    como vai essa meta final do 3º ano? ihihi eu ja estou na fase inicial do 4º!!!

    Adorava ir ao Brasil fazer um intercambio clinico de um mes, em Agosto…Mas as viagens sao caríssimas!!!!!!

    Eu fazia com muito gosto uma bolsinha para o teu estetoscópio, o problema é que os portes de envio e o cambio da moeda ficam muito caros e tu irias acabar por desistir da ideia! Mas envia-me a tua morada quando puderes para o meu face numa conversa e pode ser que aquele postal que te estou a dever seja recheado com algo mais! =P

    Conta novidades no face depois!

    Beijinhos, saudades
    Ju

  10. Oh meu Deus! Só lia agora o teu post! Vais para harvard? tipo, harvard?????? Meu Deus… estou em choque! isso é genial!!!! e tens OBRIGATORIAMENTE QUE VIR A PORTUGAL! se quiseres talvez te consiga arranjar uns dias no hospital de Coimbra, no serviço de Medicina Interna…mas…ok estou em choque!!!!

    MUITOS PARABENS!

    • Hahahaha ainda estou em choque também!
      Ah, eu queria muito ir para Portugal sim! Espero que consiga em breve! E olha, vou cobrar esses dias ai no Hospital, hein? hahaha
      E digo o mesmo para você! Caso quiser, venha passar um tempo aqui no Brasil! O nosso Hospital das Clínicas é o maior da américa latina e blá blá blá hahaha com certeza tem espaço para você, e dá para aprender muitas coisas! 🙂

      Obrigado Ju! 🙂
      Beijos

  11. Oiii
    Acompanho a tempos o teu blog e fiquei feliz por demais quando li o post.Soltei um OH MY GOD segudo de QUE LIIIIINDO CARA,ELE CONSEGUIU ELE MERECE *-*
    Nem sei como te falar parabéns,que isso deve ser uma experiência master incrível,até fiquei emocionada tá – isso nem deve ser levado em conta,sendo que choro até vendo House.
    Ai,sem palavras,sendo que eu fiquei muito feliz por ti,sem nem ao menos te conhecer e tal.
    Tu merece muito guri,parabéééns ,parabéééns e mais parabéns!

    Beijo

  12. PARABÉNS PELA CONQUISTA!!!!!!
    HARVARD que chique hein!!
    só é ruim pq vc ja n postava direito na melhor universidade do brasil, agora na melhor universidade do mundo ai sim que vc não vai ter tempo de postar 😦

  13. Oi, desculpa, sou nova aqui e só quero te dizer que você me fez chorar, chorei de orgulho de alguém que eu sequer conheço. Eu sou do Rio e estou tentando Medicina a 3 anos, imagina como eu não estou agora, bem nervoa né, com as provas chegando, enfim, deve ser por isso que estou tão sensivel. Bom não importa, so quis te dizer o quanto isso foi inspirador para mim, não pelo fato de voce sair do país, ir para HARVARD ou sei lá o quê, ma por me relembrar o quanto os sonhos mais impossiveis podem se tornar realidade.

    • Oi Sarah!
      Obrigado pelo comentário! 🙂
      Bom, espero que você consiga realizar seu sonho também! Vai com fé e vontade que tudo dá certo 🙂
      Depois passe por aqui e me conte o resultado!

      Beijos

  14. Nossaaaa! Deco, posso nao te conhecer, mas te adimiro desde o primeiro post teu que eu li. Medicina ainda me parece um sonho maravilhoso e assustador, mas, de alguma forma, ler seu blog me faz crer que e’ possivel, que e’ real.
    No começo do post, quando li que vc vai fazer intercambio, logo pensei na Australia…Quebec…Oxford talvez…. Mas… Perae…HARVARD? Jesuuuuusss!
    Torço muito pra vc Deco… Vc e’ exemplo e inspiraçao pra muita gente… Congratulations! Haha =D

  15. Oi Deco!
    Faz alguns dias que ando lendo seu blog, e que d + essa notícia. Só perde pra passar no vestibular. Meu Deus, Harvard (mt TOP), meu parabéns, vc é 10!
    Quem sabe um dia eu não consigo também…

    Seu blog é d+! Mt bom mesmo.

  16. To aqui com os olhinhos até brilhando, cheios d’água! *-* hehe Há meses que acompanho seus posts e nunca tinha comentado em nada, creio que talves por nao saber o que escrever, de tanta coisa que queria falar acabava nao falando nada rs. Mas depois de ler isso nao tem como nao deixar um comentário! PAAAAAAAAAAAAAAAARABÉNS!!!! *-* E que minha vida seja ingualzinha a sua daqui algum tempo! hehe 😛 Nossa Deco, o que voce ta vivendo é o que eu mais quero pra minha vida sabe.. Foi um sentimento muito gostoso e bom que me contagiou agora =D Não tem preço a gente ver que outras pessoas conseguiram o que a gente quer.. pra mim essa notícia que voce compartilhou com a gente é uma baita duma motivação pra continuar lutando pelo que quero. Desde pequenina sempre admirei muito a área médica, sempre achei medicina a coisa mais nobre e mais digna de adimiração! É uma dedicação total ao próximo, é uma carreira envolta de sentimentos nobres e bondosos, é uma coisa que realmente me fascina. rs E tambem sempre fui apaixonada por inglês. Como todos os professores que tive de língua inglesa ou sao extrangeiros que resolveram dar uma passadinha pelo Brasil ou entao já moraram no exterior, cresci ouvindo sobre a maravilha de conhecer outra cultura. Quando fui prestar vestibular nao tinha dúvidas do que eu queria pra mim! Queria cursar medicina e poder levar o bem, levar esperanças e conforto as pessoas.. Mas nao poderia pensar só nessas pessoas tambem ne.. onde ficaria minha satisfaçao pessoal? hehe Comecei a pesquisar mais sobre o curso.. que maravilha era aquilo mesmo que eu queria!*-* Comecei entao a pesquisar sobre como seria a vida de um estudante de medicina e tambem como seria depois que me formasse. Pena que nao me deparei com seu blog naquele tempo =/ Pena mesmo! Encontrei tanta coisa ruim, era gente falando que nao ia ter mais tempo pra minha vida social que eu nao ia ter tempo pra familia nem pra mim mesma. E é claro que além de aspirações profissionais eu tambem tenho aspirações pra minha vida pessoal.. Minha vida como a Dra. Lorena ia ser sonho mas e vida da Lorena como ia ser? Esse monte de coisa que li mecheu negativamente comigo, foi meio que um balde d’água fria em cima dos meus planos.. Mas ainda estava disposta a lutar! Um ”belo” dia encontrei um artigo científico ”comprovando” que os maiores indices de suicidio sao de alunos de medicina =O. Desmoronei =/ mas continuava querendo medicina hehe Achei que seria prudente eu nao mergulhar logo de cara no curso. Acabei vindo parar num curso de odontologia uashuahs Curso na UFU e aqui o Hospital Odontologico e o PSO(Pronto Socorro Odontólogico) fica coladinho com o nosso HC, Hostipal do Câncer, Clínica Psiquiatrica etc etc.. Mal uma costureira entregou meu jaleco já fui toda empolgada fazer estágio voluntario no PSO, claro que como auxiliar, segurando o sugador essas coisas uasuahs. Comecei a ter contato com os pacientes, a ver com outros olhos a arte de lidar com as pessoas e com a saúde delas. Nao é facil mas é extremamente gratificante ver que a gente proporcionar um bem a elas. ”Trombava” diariamente ali na faculdade nao só com destistas, mas com enfermeiros, médicos etc. Comecei a ver de verdade e de pertinho como é a vida de estudantes de medicina e principalmente de um médico em si. APAIXONEI! Vi que nao era aquele horror que tinha visto na internet, que é o que é de verdade! Pena que nao encontrei seu bolg antes!! Porque ele mostra as coisas como elas sao! *-* Hoje estou no 2º período e de tudo o que eu já vi, já estudei.. o que tem relação direta com medicina é o que mais me atrai, o que mais me fascina! As aulas de anatomia e diagnostico são as que mais me dispertam interesse rs Se tiver vagas pra transferencia interna vou tentar, se nao tiver vestibulares pra que quero voces! hehe Se Deus quiser ano que vem vou cursar o curso certo! hehe e como já disse.. tomara que todas as coisas boas que aconteceram com voce tambem apareçam na minha história *-* Por tudo o que voce posta eu te tenho como referencial Deco! Nos meus momentos de ”fraqueza”, de apatia com a vida que ainda levo, é aqui que venho buscar a boa energia hehe. Aqui encontro inspiração pra continuar lutando pelas meus sonhos =D Muito sucesso pra voce! Principalmente agora lá em Harvard *-* E poste sempre pra gente! Assim que puder, conta pra gente como é a vida de um estudante de medicina no exterior, lidando com uma cultura diferente? *-* hehe Pra quem lia sempre seus posts e nunca comentava, comentei até demais agora! aushuash Acho que foi o tal sentimento bom que me contagiou quando fiquei sabendo da novidade! rs =D SUCESSO!! Que voce tenha milhões de experiencias boas principalmente nesse mundão que te espera em Harvard!

    • Oi Lorena!
      Parabéns, você bateu o recorde de comentário gigante hahahaha 🙂
      Primeiramente, nem sei como te agradecer por tudo que você falou. É estranho ser inspiração pra alguém, ainda mais que eu tenho tantas inspirações também, e sou tão pouco ainda. Mas fico muito feliz em poder mostrar como é a vida de estudante de medicina de verdade. Não é nada como dizem por ai.. e realmente espero que um dia todos saibam que medicina é um curso como qualquer outro, com aulas, trabalhos e provas. Mas claro que temos um pouco a mais, que é o diferencial, e que nos fazem escolher medicina: o contato com histórias de pacientes, viver um pouco da vida com eles, aprender muito mais que uma faculdade pode ensinar. Enfim, medicina é realmente muito gratificante!
      Espero que você consiga realizar seu sonho, porque realmente vale a pena mesmo!
      Mais uma vez, obrigado!
      E volte aqui para ir me contando como vão as coisas! 🙂

      Beijos

  17. Aqui, a UFJF não tem convênio com Harvard, só tem com algumas poucas dos EUA. A USP, também faz esse tipo de intercâmbio ou você conseguiu por fora?

    Congratulations

    • A medicina não tem convênio com Harvard mesmo. É um intercâmbio não conveniado, mas faz parte de um programa que não é vinculado à USP, e sim um professor da faculdade. Mas estão tentando oficializar isso e tal.. mas mais sobre isso eu não sei ahahha

      Thanks 🙂

  18. Deco, estou atrasada pra lhe parabenizar, desculpe-me por isso. Quando Yuri me ligou e contou eu fiquei muito feliz, vibrei mesmo! Desejo muita sorte pra você nessa viagem!
    Olha, tenho uma sobrinha que estudou em Harvard, casou com um professor de lá, e mora agora em Cambridge. Vou me encontrar com ela aqui no Brasil em janeiro. Se você quiser, gostaria de dar seu contato pra ela. Fala com Yuri, ele também vai vê-la em janeiro.
    Abraços…

    • Oi Dona Evelize!
      Imagina, obrigado mesmo, de coração! Quem sabe daqui um tempo é o Yuri que vai também, não é? Capacidade ele tem 🙂
      Pode dar o contato sim! Caso possível eu posso manter contato com ela lá, e acho que será possível, afinal um ano é bastante tempo!

      Mais uma vez, obrigado mesmo!
      Abraços!

  19. Ei Deco, você falou sobre fellowships ou shadows, pretendo cursar medicina, trancar a faculdade no 4 ano e fazer. Sabe onde eu posso me informar mais sobre isso, como funciona, onde eu monto um programa com alguma agência etc e tal?

    • Oi Pedro!
      Então, sinceramente eu não sei muito bem se existe alguma agência que cuide disso! Cada instituição, seja nacional ou internacional, tem nos seus sites essas informações!
      Abraços!!

  20. Deco, primeiramente vejo seu blog há um tempinho, e já revirei todos os comentários e posts e ainda não entendi em 100% como isso aconteceu, tendo em vista que a USP não tem convênio com Harvard, mas você se inscreveu na USP? Poderia me explicar? e no caso, este programa que você conseguiu ainda atua?

    • Olá. A FMUSP tem um convênio sim com Harvard, mas é aberto apenas para alunos da Medicina. Ainda atua sim, todo ano vão 10 alunos para lá 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s